Software multinúcleo é a nova meta da Intel

O fabricante de chips comprou duas companhias nos últimos 30 dias. Estas companhias são desenvolvedoras de softwares e a sua especialização são os softwares multi-thread, e isso deixa bem evidente qual é a intenção da Intel. Os processadores avançaram muito num campo como a computação paralela e hoje existem opções no mercado que podem manipular 8 threads. No entanto, o software não seguiu o mesmo ritmo.

A aquisição da Cilk no final do mês passado e a aquisição da Rapidmind esta semana, duas pequenas companhias com menos de 50 funcionários, se somam à aquisição que a Intel realizou no mês passado, da Wind River Systems.

O diretor de marketing e vendas da Intel, James Reinders, explicou porque a Intel comprou estas companhias: “Nos últimos anos, houve um crescimento gradual dos processadores multinúcleo. Isso colocou o paralelismo em mais e mais máquinas […] Se olharmos as aplicações tradicionais, as que nós utilizamos todos os dias, naturalmente nós podemos afirmar que a maioria não utiliza esse paralelismo, pelo menos não em toda a sua plenitude.”

Fonte: Forum PCs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: